sábado, 7 de agosto de 2010

Eu e a amamentação

Todo mundo sabe aqui que sou defensora ferrenha desse assunto né? Além disso, adorei amamentar, era algo extremamente prazeroso para mim e para a Luiza.  Esse ano tive a oportunidade de ajudar uma mãe (e um bebê) com a amamentação.  Minha cunhada e meu sobrinho Leonardo.

Leonardo nasceu num sábado e, por alguma desorganização do hospital e do pediatra que fez a sala de parto, entrou logo no complemento porque não conseguiu pegar o peito X horas depois do parto.  Daí em diante a coisa foi complicando, ele não conseguia mais mamar no peito e a Débora foi ficando desesperada, com um bebê em casa que só chorava.  Eles chamaram uma enfermeira especializada, foram numa pediatra especializada e nada adiantava.  Na verdade, cada pessoa falava uma coisa.  Uma semana depois, meu irmão, que é médico, voltou ao trabalho e de cara tinha uma plantão de 24 horas pela frente.  Nesse dia eu convenci a Débora a chamar uma consultora de amamentação, a fonoaudióloga Aline Sudo que havia me dado curso de amamentação e que faz atendimento domicilar.

A Aline foi até a casa dela, conseguiu botar o Leonardo para mamar, ensinou a Débora a posicioná-lo para fazer a pega correta e deu um monte de outras recomendações.  Eu fiquei lá junto, meio que dando apoio moral.  Depois que a Aline foi embora, eu tinha que sair para buscar a Luiza na escola e percebi que a minha cunhada ainda estava muito insegura para insistir na amamentação.  Ela me pediu se eu poderia voltar mais tarde para ajudá-la com a pega e eu então me ofereci para dormir lá com ela naquela noite, que seria a primeira noite sem o meu irmão em casa.  Ela fez um charminho básico, recusou mas eu fui mesmo assim.
Passei uma noite com ela, acordando em cada mamada e ajudando.  Minha ajuda: dar apoio moral, mostrar que ela conseguia amamentar, distraí-la um pouco para que ela não ficasse tão preocupada com aquilo.  Foi muito gostoso poder ajudar!  Essa foto é do dia seguinte que eu dormi lá.

leonardo1semana

Depois disso ainda demorou um pouco para a coisa engrenar e ela amamentar com tranquilidade.  Mas ela conseguiu! 

Olha ela amamentando, com o vestido da Via Láctea Moda!

IMG_0397
 Agora a Débora já voltou a trabalhar e mesmo trabalhando muito longe de onde mora, ela tem conseguido deixar leite para ele.  Ele já come algumas frutas, toma alguns suquinhos, mas a alimentação dele ainda é praticamente toda de leite materno.  E olha como ele está uma delícia de bebê, aos 5 meses.
leonardo5meses

Alguém ainda duvida que o leite materno é o melhor alimento que um bebê pode receber?

5 comentários:

Lali disse...

Nossa, que bacana, deve ter sido muito gratificante p/ vc. E seu sobrinho é lindo! Tem os olhos lindos da Luiza!

Dayanny Franco disse...

É maravilhoso mesmo amamentar, é uma troca de olhar, de amor, de tudo! Um momento só da mamãe e do bebê, mágico!
Adorei amamentar, Isabella mamou até 1a8m.
É sempre mto bom ajudarmos os outros. Parabéns Flávia, o Leonardo tá mto fofo.

Aline e Ana Paula disse...

Adorei o post! As fotos ficaram ótimas!! Ele tá lindão e uma misturada de pai e mãe!!
Obrigada pela referência.
Beijo grande
Aline

debora disse...

Flavia,sua ajuda foi fundamental!!
Lembro ate hoje do dia que vc dormiu comigo aqui em casa !!
Saiba que nos conseguimos!! Vc teve uma grande participacao nessa vitoria.
Muito obrigada!!
Debora e Leleco peteleco.

Aline e Ana Paula disse...

Adorei o post! As fotos ficaram ótimas!! Ele tá lindão e uma misturada de pai e mãe!!
Obrigada pela referência.
Beijo grande
Aline